Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Gás de cozinha sobe quase 5% em um mês e chega a R$ 75, mostra Procon

Data da Postagem: 19/04/2017 | Fonte: Campo Grande News
(Foto: Divulgação).

O preço do gás de cozinha subiu quase 5% neste mês em relação a fevereiro em Dourados, cidade a 233 km de Campo Grande, mostra pesquisa do Procon divulgada hoje (18). Outra constatação é na grande diferença que existe entre o botijão mais barato e o mais caro, de 39%.

De acordo com a pesquisa, feita ontem em 21 estabelecimentos da cidade, o botijão de 13 quilos varia de R$ 54 a R$ 75. Foram encontrados 11 estabelecimentos vendendo o gás a R$ 70, quatro a R$ 65 e dois vendendo por R$ 60.

O preço médio do gás praticado em Dourados, segundo a pesquisa do Procon, é de R$ 66,50. Em relação ao preço médio do gás encontrado na pesquisa realizada em fevereiro (R$ 63,50), a alta foi de 4,8%.

Conforme o Procon, o preço médio do gás de cozinha em Campo Grande, apontado em pesquisa da ANP (Agência Nacional do Petróleo), é de R$ 66,33 e em Ponta Porã de R$ 58,50.

Os preços pesquisados são referentes à venda a vista, sem taxa de entrega. O Procon de Dourados coloca os telefones 151 e (67) 3411-7754 à disposição dos consumidores para mais informações sobre a pesquisa. A venda com cartão de crédito deve ser igual ao preço à vista.

Além da pesquisa, o Procon fez orientações aos consumidores sobre a compra de gás de cozinha, como só comprar o produto de comerciantes regulares na ANP. “Na presença do funcionário, examine o botijão para ver se ele está sem ferrugem ou partes amassadas”, orienta o Procon.




Untitled Document
© NAVIRAÍ EM FOCO | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS