Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Hoje é dia de olhar para o céu e ver Marte bem ‘pertinho’

Data da Postagem: 31/07/2018 | Fonte: Midia Max
Planeta estará a 57.6 milhões de quilômetros da Terra

Nesta terça-feira, 31 de julho, Marte estará o mais visível e luminoso possível no céu, nos últimos 15 anos. De acordo com a Nasa, planeta ficará a uma distância de 57,6 milhões de quilômetros da Terra. Vale a pena prestar atenção no céu, pois em meados de agosto, Marte ficará mais fraco à medida que o planeta e a Terra se afastarem um do outro em suas órbitas ao redor do Sol. A próxima aproximação de Marte será observada somente em 6 de outubro de 2020.

Conforme informações da Nasa, apesar da “aproximação”, Marte e a Terra continuam bem longe um do outro. A distância mínima da Terra até Marte é de cerca de 54,6 milhões de quilômetros. No entanto, isso não acontece com muita frequência.

Quando Marte e a Terra estão próximos um do outro, Marte parece muito brilhante em nosso céu. Também facilita a visualização com telescópios ou a olho nu. O Planeta Vermelho chega perto o suficiente para uma visualização excepcional apenas uma ou duas vezes a cada 15 ou 17 anos.

Como acontece a aproximação

Se a Terra e Marte tivessem órbitas perfeitamente circulares, sua distância mínima seria sempre a mesma. No entanto, eles têm caminhos elípticos (em forma de ovo). Além disso, a atração gravitacional pelos planetas muda constantemente a forma de suas órbitas. Júpiter influencia especialmente a órbita de Marte. As órbitas de Marte e da Terra também estão ligeiramente inclinadas em relação umas às outras.

Todos esses fatores significam que nem todos os encontros próximos são iguais. Em 2003, Marte fez sua maior aproximação à Terra em quase 60.000 anos. Não será tão perto novamente até o ano de 2287.

 

 




Untitled Document
© NAVIRAÍ EM FOCO | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS