Naviraí em Foco - Gaeco mira servidor da Assembleia Legislativa em operação contra sonegação fiscal


Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Gaeco mira servidor da Assembleia Legislativa em operação contra sonegação fiscal

Data da Postagem: 09/08/2018 | Fonte: Top Midia News
Divulgação

A Operação do Grãos de Ouro, deflagrada pelo Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado), na manhã desta terça-feira (8), mira a sonegação fiscal no comércio de grãos em Mato Grosso do Sul. A reportagem confirmou que um servidor da Assembleia Legislativa está entre os alvos.

Segundo a assessoria parlamentar do deputado Paulo Corrêa (PSDB), o servidor Marcos Antônio da Silva de Souza foi rendido em casa e levado até o Palácio Guaicurus, onde uma promotora e agentes do Gaeco verificaram seu computador funcional em busca de documentos. Nada chegou a ser levado pelos agentes, no entanto.

A assessoria enfatiza que o funcionário é contratado pela Casa de Leis e lotado no gabinete de Paulo Corrêa, mas o parlamentar não está entre os alvos da investigação. Nos bastidores, há informações de que os investigadores visitaram um gabinete do DEM e outro do MDB, mas as assessorias negam a ocorrência.

A Operação Grãos de Ouro ocorre em Mato Grosso do Sul e mais seis estados. Segundo informações do Ministério Público Estadual, os agentes cumprem 32 mandados de prisão preventiva e o cumprimento de 104 mandados de busca e apreensão também nos estados de São Paulo, Goiás, Minas Gerais, Paraná, Rio Grande do Sul e Mato Grosso.

Uma coletiva será realizada no período da tarde para mais esclarecimentos.




Untitled Document
© NAVIRAÍ EM FOCO | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS