Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Mato Grosso do Sul completa 41 anos de criação

Data da Postagem: 11/10/2018 | Fonte: Dourados News
Divulgação

Nesta quinta-feira comemoramos o 41° aniversário de Mato Grosso do Sul. Em 1977 o estado surgiu após a divisão de Mato Grosso sob a determinação do então presidente Ernesto Geisel com base na Lei Complementar nº 31 da Constituição Brasileira.

De lá pra cá o grande dilema sul-mato-grossense é sempre ressaltar aos ‘de fora’ o ‘do Sul”. Muitos ainda remetem às cidades sulistas ao estado de Mato Grosso.

Mas afinal, valeu a pena?

Na análise do doutor em História das Américas e docente do Departamento de História e Coordenador do NEATI/CUR/UFMT, Ney Iared Reynaldo, e da mestre em geografia Shirlei Fernandes de Oliveira Myiashiro, ambos estados mais ganharam do que perderam com a divisão. 

Em editorial especial ao jornal mato-grossense A Tribuna, publicado no ano passado durante a comemoração das quatro décadas de MS, os especialistas afirmam que quando ocorreu a criação de Mato Grosso do Sul expandiu-se as possibilidades de desenvolvimento para ambos os territórios. 

“Podemos afirmar que ninguém perdeu, exceto, os contribuintes dos outros estados da União, pois durante alguns anos após a divisão, o governo federal concedeu recursos financeiros tanto ao Mato Grosso como a Mato Grosso do Sul. Mas, nos “dois Mato Grosso”, pensamos que todos ganharam. As elites políticas, certamente ganharam bastante, pois os espaços de poder foram simplesmente duplicados, isto é, mais um governador, vagas para deputados estaduais, federais, e senadores. Mas as populações também foram beneficiadas. Os recursos federais resultaram em investimentos que geraram novos empregos, atraindo inclusive uma migração interna”, afirmaram 

Na época Mato Grosso tinha 93 municípios e 1.231.549 quilômetros quadrados. A lei dividiu o Estado e deixou a unidade federativa com 38 cidades e Mato Grosso do Sul com 55. 

Apesar de ter menos municípios, Mato Grosso ficou com a maior área: 901.420 quilômetros quadrados.

Atualmente MS conta com 79 municípios abrigando a estimativa de 2.748.023 de habitantes. MT também progrediu e hoje possui população estimada em 3.441.998 dividida nos 141 municípios que o compõe.

 



Untitled Document
© NAVIRAÍ EM FOCO | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS